.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

A doçura de Arabela Morais!




DÁ LICENÇA, POESIA?


Dá licença, poesia?

Preciso me encontrar...
Nos versos de pés quebrados,
Nas rimas ricas ou pobres,
Nas métricas que limitam,
Na concretude dos dias,
No livre versar dos sonhos!

Dá licença, poesia?

Pois é preciso sonhar!
Com caminhos que percorram
A razão dos teoremas,
A ilusão das miragens,
O fanatismo das crenças,
O “deixa estar” inconsequente
Do viver sem nem pensar!

Dá licença, poesia,

De mostrar o meu viver?
De me permitir sentir
E falar o que aprouver?
De ser eu, sendo eu, outras,
E mostrar que assim posso
Ser mais eu, por isto mesmo?

Dá licença, poesia!
Dá?
Então, licença poesia,
Pois caudalosa que sou,
Agora vou me derramar!

Arabela Morais



Uma Artista de primeira
No versar da poesia
Pois o faz com galhardia
Lindamente alvissareira
Poetar-se por inteira
Sem queixumes e mazela
Altaneira em passarela
Sua rima é fina Grife
Mineirinhos no Recife
No sorriso de Arabela...


Marçal Filho
Itabira MG.
01/06/2009


A Puisia fica incantada
toda noite e todo dia
com os verso de aligria
dessa mucinha prendada
que verseja como as fada
linda feito as dunzela
no pintar duma aquarela
pois a minina tem cacife
Mineirinhos no Ricife
No sorriso de Arabela...


Manezzim
31/05/2009...




Alinhavo

Quando me refiz
refiz sozinha...
E a linha que usei
era só minha.

Hoje o alinhavo
que trago no tema,
se faz teorema
e busca você...

Quando procurei
por minha linha,
estava num ninho
de linhas perdidas...

E nesse emaranhado
de linhas e agulhas,
nem vejo a candura
que tanto busquei.

Puxei uma delas,
costurei minha alma,
percebi que era tua,
e não minha, a tal linha...

Daí era tarde,
em mim você estava;
e hoje agradeço
a linha perdida,
que traz uma vida
que lhe desenhei.


Arabela Morais & Marçal Filho


MÃO DUPLA


O amor é uma via
de mão dupla.

Necessário saber,
que embora sendo
única a estrada,
cada um segue
dirigindo a
própria vida...

E segue seu
próprio caminho.

Atenção para as placas!

Arabela Morais







RASGOS

Raio riscando
cai no rumo
do rio.
Rasga o céu,
partindo-o
em dois.
Redobra a surpresa,
duplica a paisagem.
Reproduz beleza,
encanto retrata!

Repentinamente
retomo minha
vida,
rasgada pelo
raio do abandono.
Resgato as beiras,
reúno as márgens...
Restauro a alma.
Recomponho-me.

Recupero o amor
refazendo o
caminho,
rasgado pelo
raio da razão.
Repasso as cenas,
reitero valores.
Reacendo a
chama da paixão!

Arabela Morais.

Marcadores:

4 Comentários:

  • Paz e alegria!

    Que preciosidade as composições poéticas de Arabela Moraes. Realmente, uma doçura imponderável. Sim, porque são preciosidades que acalentam a nossa alma.

    Simplesmente, posso dizer que são mensagens fantásticas; as quais enaltecem a cultura brasileira.

    Deus seja louvado!

    José Bonifácio

    Por Blogger josebonifacio, às 10 de julho de 2009 00:21  

  • Arabela Morais é um encanto de pessoa, um primor de amiga, uma Poeta Encantadora, minha parceira querida do coração. Adoro essa criatura linda que Deus em sua benevolência deu de presente para esse poetinha itabirano. Por isso Deus é lindo e sabe dosar aos seus filhos o que há de mais belo. Querida é sempre um prazer ler você e a doçura de seus versos sempre encantará minha'lma. Beijos todos que tens por direito.


    Do Amigo/Fã

    Marçal Filho
    10/07/2009.

    Por Blogger MARÇAL FILHO "Poesias e Outros", às 10 de julho de 2009 17:06  

  • Arabela, pra mim, Beluska,
    é poesia desde que nasceu,
    traz a beleza até no nome
    e não em vão,
    é bela por completo,
    da cabeça ao coração.
    Sua poesia é reflexo dela mesma, tem rumo,
    tem direção.
    É amiga, irmã, poeta, mãe, filha, todas zelosas e gentis,
    todas talento e emoção.
    Deixo aqui meu carinho
    e todo amor
    de ontem,
    de hoje,
    de sempre,
    sem restrição.
    Cheiros, irmãzinha.

    Por Blogger farol72, às 10 de julho de 2009 18:26  

  • O que dizer???
    Queridos amigos.
    Minha irmã.
    Minha alma canta feliz por poder compartilhar com vocês meus momentos tecidos em versos!
    Obrigada!
    Muito obrigada!
    beijo beijo

    Por Blogger Arabela Morais, às 14 de julho de 2009 19:22  

Postar um comentário

<< Home