.

terça-feira, 21 de abril de 2009

Homenagem à Poetisa Jane Rossi!

Jane Rossi é hoje membro da FALASP!
Parabéns Jane Rossi pela conquista!
Sinto-me feliz com você!




















Jane Rossi, Representante da FALASP em Guarulhos.


"FEDERAÇÃO DAS ACADEMIAS DE LETRAS E ARTES DO ESTADO DE SÃO PAULO - FALASP" Presidente – Conde Thiago de Menezes


Instituição sem fins lucrativos, fundada, em 12 de março de 2004, com tempo ilimitado de duração, tem por fim supervisionar, coordenar, fiscalizar e estimular a atividade das entidades acadêmicas e centros de alta cultura sediados no Estado de São Paulo que a integram, com observância das normas e disposições emanadas das leis federais, estaduais e municipais, bem como da Confederação das Academias de Letras e Artes do Brasil. A sociedade tem foro na Estância de Águas de Lindóia, escolhida que foi em dezembro de 2003, durante encontro de Academias de Letras e instituições similares ocorridos no Hotel Fazenda Vanguarda, na divisa da Estância de Amparo com Itapira. São objetivos da FALASP: a) empenhar-se, pêlos meios ao seu alcance, no sentido do aprimoramento e melhoria da cultura estadual; b) zelar pela coesão espiritual do povo do Estado da São Paulo. Presidente -FALASP Conde Thiago de Menezes.



ProfªJane Rossi, Professora, Escritora e Poetisa, nasceu em Recife – PE, reside em São Paulo na cidade de Guarulhos. Recebeu em 14 de Março o diploma de representante da FALASP em Guarulhos.Recentemente lançou seu primeiro livro solo ”Amargura tem Cura” Participou de várias Antologias, Mentora e idealizadora do Projeto “Antologia Alimento da Alma” E ainda este ano lançará Alimento da Alma II uma coletânea de poesias que é um verdadeiro alimento para a alma.

Membro da Academia Brasileira de Poesia “Casa Raul de Leoni

Membro da AVBL Academia Virtual Brasileira de Letras

Membro da AILA Academia Itapirense de Letras e Artes

Seus trabalhos estão nos sites: www.almadepoeta.com / www.avbl.com.br / http://recantodasasletras.uol.com.br / http://poetasdelmundo.com

Contato: janelibras@hotmail.com





Ray Nonato é colunista social, produtor de eventos, personal stylist, assessor de marketing, assessor de imprensa e delegado da FALASP. Possui a Coluna “Destaque Raimundo Nonato” há quase 30 anos, tendo como objetivo, divulgar eventos sociais, culturais e de entretenimento. Por isso, no Dia 27 de Março, no Fabelle Buffet, em Taubaté/SP aconteceu o Evento: Essas Mulheres Maravilhosas!!


Recebendo das mãos do Conde Thiago de Menezes

(Presidente da FALASP) o diploma ”Destaque” No evento “Mulheres

Maravilhosas” organizado por Raymundo Nonato



Coração de poeta


No coração de poeta, tem alegria e dor

Tem o sonho de criança, esperança e amor

Tem ilusão e magia bailando no mar dos versos

E o som das calmas ondas, cantando para o Universo


É belo esse coração, que transforma os sentimentos

Faz a dor virar paixão e acalenta o sofrimento

Abre o elo da corrente e liberta o prisioneiro

Solta as amarras da vida, liberdade em cativeiro


Ele é transformador é sofrido e é carente

Sonha com o perfeito amor, coração onipotente

Vive de sonho e magia, chora de desilusão

É coração sofredor, que almeja a perfeição


O coração de poeta é como um livro real

Cada página um sonho, com orquestra divinal

É coração colorido, cada hora de uma cor

É coração destemido, cravado de amor e dor.


Jane Rossi


“É o amor”

O mais belo sentimento, perene na vida humana

Derreia até o fingimento, habita em casa e cabana

Doma o coração do homem, busca a entrega total

Se abandonam, se consomem, desejo descomunal


São dois seres unificados, vivendo plena evolução

São diamantes cravejados, com brilho no coração

Desejo, malicia ou sonho, que explodem duas vidas

Encaminha ao matrimônio, faz feliz, almas sofridas


Não tem dia, não tem hora, para ele desembarcar

Mudar tudo em sua vida, te mostrar o céu e o mar

Viaja em nuvens brancas, conhece o desconhecido

Você voa sem ter asas, vai ao céu sem ter morrido


O céu fica mais azul, as flores mais perfumadas

O mundo mais colorido, a vida mais encantada

A felicidade é constante, o coração a saltitar

É lindo, é inebriante, chegou a hora de amar.

Jane Rossi



“A lua e Eu”



Eu e a lua, nos olhando, numa noite abençoada

Palavra no ar preenchia a solidão

Enviou a paz, trouxe emoção

Seu brilho mudou a visão

Contei sobre as dores

Reclamei ingratidão

A amiga me ouvia

Eu ouvi a canção

E a bela poesia

Findou a aflição

Poesia e canção

Era apenas visão

Lua falava comigo

Uma bela imaginação

E no céu, andei nas nuvens

Sonhei ouvindo o hino do amor

E nesse encontro com a lua teve fim a minha dor


Jane Rossi




Agarradinhos


Na caixinha de lembranças encontrei uma linda foto

Revivi o nosso passado, que foi como um terremoto

Mas o amor foi cravejado dentro do nosso coração

Resistiu todas as provas, vivemos linda emoção


Não queriam nosso amor, impediam nossa união

Vivemos dias de dor e momentos de aflição

E o amor falou mais alto, construímos nosso ninho

Da nossa unificação, herdamos nossos anjinhos


Ninho repleto de amor e alegria de criança

Sorriso, choro e dor são guardados na lembrança

Pássaros crescem e voam, ficam livres pelo ar

Mas nós temos um ao outro, o sol, a lua e o mar


E depois de muitos anos, amando e sendo amada

No futuro nossos planos, seguir junto a caminhada

E no fim de nossa estrada, como sempre, bem juntinhos

Estaremos de mãos dadas, morreremos...agarradinhos


Jane Rossi


Um tango para nós dois

É música no ar

É sonho e ilusão

Vamos dançar um tango

Vibrar de emoção


É música no ar

Fetiche e sedução

É coração caliente

Ardendo de paixão


É música no ar

É sonho e prazer

Vamos sentir o tango

Vibrar, desfalecer


É música, é som

Amor está no ar

Vamos dançar na noite

Viver só pra amar


Jane Rossi




“Paisagem”

O céu estava repleto de tachinhas brilhantes

Feito um veludo azul com um tom cintilante

E as nuvens brilhavam assim como diamante

No meio das nuvens a lua sorria toda elegante


Em uma noite de verão e um calor escaldante

Passeando pela praça com um olhar radiante

Observava a beleza desse universo mutante

E sorria sozinha, vendo essa cena calmante


Andei muitas horas nesse andar delirante

Encantei-me com o mundo, foi inebriante

A beleza divina é de emoção deslumbrante


No meio dessa beleza, sofrer é deselegante

No meio desse brilho, apagar-se é cruciante

No meio de tanta vida, morrer é discrepante


Jane Rossi


“Creio”

E na calada da noite

Diante da taça de fel

Soltei meus longos cabelos

Meus longos foram meu véu


E de joelhos dobrados

Diante do criador

Cantei meus versos molhados

Pela angustia e pela dor


E disse: Pai de bondade

Mais uma vez estou aqui

Perdoe-me pelos pecados

E faltas que cometi


Tenho fé no seu milagre

Testemunho sua glória

Estou solvendo vinagre

E acreditando na vitória

Jane Rossi


“Momento de Oração”

Quando tudo escurecer

Na estrada...

Quando a luz se apagar

No céu...

Quando a vida estiver

Calada...

É momento de orar

Com véu

É momento de pedir

Clamar...

É momento de chegar

Ao Pai...

Quando tudo escurecer

Na estrada...

Quando a taça tem sabor

De fel...

É momento de crer

No eterno...

Só o Pai ascende à luz

Do céu...


Jane Rossi




“Mudez”


É uma mudez gelada

Silêncio que apavora

Olhos dirigidos ao nada

Palavra não evapora


E essa mudez gelada

Vem forte, vem poderosa

São duas almas caladas

Numa mudez pavorosa


E nessa mudez gelada

No silêncio adormecem

Acordam de mãos dadas

A mudez eles esquecem


Olham-se e se abraçam

Pois a mudez já passou

Foi um momento gelado

Que o amor descongelou



Jane Rossi



“Lágrimas”


Lágrimas são raízes

De tristezas e alegrias

São gotas de cicatrizes

De amor ou melancolia


São sentimentos que caem

Desafogando o coração

Deixando a alma bem leve

Suavizando a emoção.


Lagrimas são raízes

Que estão no coração

Limpa a mágoa

E as cicatrizes

Lágrima é libertação.



Jane Rossi



“Página em branco”


A folha branca esperava

Versos pra se adornar

Mas a letra dispersava

Sonhos bailavam no ar

A folha branca esperava

A caneta dançarina

Mas a letra se afasia

Sonho era purpurina

E a folha branca esperava

Uma poesia colorida

Permaneceu folha pálida

Nula! No palco da vida.


Jane Rossi




DIVERSIDADE


As cores tem, sua beleza natural

E cada uma está sempre à encantar

O amarelo e o vermelho se misturam

E o laranja vem surgindo a brilhar


É a mistura de maneira inteligente

Na união de cores a deslumbrar

Se não houvesse tantas cores diferentes

Seria triste esse nosso caminhar


É na escola que se aprende a viver

E conviver como se fossemos irmãos

E nós os mestres vamos estabelecer

A igualdade! Sem pensar em exclusão!


Temos aquele que exige mais atenção

E com carinho iremos nos dedicar

Temos o outro que supera a pretensão

E com prazer estaremos à educar


A vida é um arco íris encantado

Nessa mistura de dialeto, raça e cor

E a igualdade será sempre o legado

Neste arco íris que entrelaça o amor


Jane Rossi



“Vestido negro”


Aquele vestido negro

Estava repleto de dor

E aquela alma triste

Chorava a dor do amor


Vestido negro brilhante

De uma leveza total

Transparência insinuante

Beleza descomunal


Vestido negro brilhante

Bailava pelo salão

Era lindo, esvoaçante

Deslizando na emoção


Vestido negro brilhante

Que ofuscava a visão

Bailava a dor da alma

E o luto no coração


Jane Rossi





“Fitas de Sonhos”


Lindas fitas coloridas

Que balançam no ar

Um arco-íris de fitas

Beleza, sonho a alçar


Fita rosa da amizade

Que almeja a lealdade

Fita azul da ilusão

Deixa doce o coração


Fita vermelha ardente

Amor pra peito carente

E a fita branca da paz

Onde a vida se refaz


Tinha fita de toda cor

Que acalmavam a dor

E a fita verde esperança

Com os sonhos de criança


Fitas claras e escuras

Combatendo a amargura

Chuva de fitas no ar

Sonhos a rodopiar


Jane Rossi


“Um só coração”


Em seus olhos eu lia a poesia

Pois o amor se abrigou no olhar

Os seus contos eram de fantasia

E as histórias eram de abismar

Esse era o papai sabe tudo

Toda noite agente proseava

Tinha assunto que era absurdo

E nas histórias eu acreditava

Ele era o papai sabe tudo

Pois sabia amar e ser amado

Ele nem precisou de estudo

E pra mim foi poeta afamado

E o papai sabe tudo, tudo nos ensinou

Foi o rei do palácio que ele edificou

Plantou a semente e também lavrou a terra

Lutou pela nossa vida e foi vitória na guerra

Ele era o papai sabe tudo, meu amor, minha adoração

O meu sangue, não era seu sangue, mas tínhamos um só coração.


Jane Rossi



“Alma de poeta”


Tu tens alma de poeta

Que transpira emoção

Em uma forma discreta

Versos tornam-se canção


Letras mágicas bailando

Como as notas musicais

E os versos vão rimando

Com harmonias florais


Tu tens alma de poeta

E o dom da inspiração

No deslize da caneta

Vibra o som do coração


Só quem tem alma poeta

Conhece o desconhecido

Alça vôo, sem ter asas e,

Vai ao céu sem ter morrido


Jane Rossi





“Simplesmente amigo”


Um amigo verdadeiro

Chora junto com você

Recolhe pedras do caminho

Nem deixa você perceber


Te dá rosas sem espinhos

Para que não fure a mão

Te dá ombro e carinho

Te trata como irmão


O amigo de verdade

Te ajuda a voar

Te empresta a sua asa

Quando a tua se quebrar


E na hora da vitória

Faz a festa acontecer

Vibra com a sua glória

Orgulha-se de você

Jane Rossi



Saudade


Chorei uma banheira de lágrimas

E o peito quase explodiu de dor

A alma ficou triste e enegrecida

As flores do jardim perderam a cor

Meu corpo parecia levitar

A vida perdeu toda a razão

Estrelas se apagaram

Céu sem vida...

Você se foi e eu fiquei

Sem Chão...

Jane Rossi




“Alimento da alma”


E a alma que viajava

No barco da desilusão

Notou um livro bailando

No mar da imensidão


Rendas de espumas

Bailavam...

Oscilavam...

O mar dos versos

Emanavam sinfonias

Colorindo o Universo


Letras...

Bordavam o mar

Lua...

Sorria no céu

Estrelas...

Saboreavam

O doce canto de mel


Era palco de ilusão

Universo de Magia

E a alma saciava-se

Degustando poesia


Jane Rossi



Brincando com a Lua


Eu tentei pegar a lua

Pra iluminar minha vida

Realidade nua e crua

Vida escura e ferida

Passei a noite tentando

Chamei a lua, brincando

E amanheci brilhando



Jane Rossi



Que Deus abençoe e ilumine o nosso presente, pois o passado é apenas saudades e lembranças e o futuro um imenso mistério. Jane Rossi

27 Comentários:

  • Que bom essa homenagem...fico feliz a cada vez que posso vir a público e dizer do talento, da humildade, do carisma dessa amiga...
    Sabe MARTA, a Jane é presente dos Céus, por isso tantos amigos, tanto sucesso em sua tragetória e tanta coisa divina para compartilhar com todos nós.
    Tenho orgulho de olhar para mim e ver presente em meus dias os aprendizados constantes doados por ela.
    Grande beijo a querida amiga Jane.
    E a vc Marta, meu melhor abraço carinhoso e fraterno!

    Por Blogger Kênia Bastos, às 22 de abril de 2009 06:03  

  • Jane Rossi, escritora/poetisa/professora e acima de tudo uma amiga ímpar, com um coração hiper generoso.
    Esta homenagem veio numa hora maravilhosa pois que ha tempos a poetisa ja esta sendo a responsavel pela FALASP em guarulhos. Vi e me debruçei em lindos poemas, em poemas dentro de poesias, em verdadeiras poesias em um pequeno verso. Esta é Jane Rossi, a poetisa e escritora.
    Jane Rossi, mãe e esposa, maravilhosa que pude perceber de perto, com olhar enobrecedor de quem é vitoriosa, pois que familia linda e unida ela conseguiu construir. Jane Rossi eu devo muito a voce, eu e mais de 30 poetas lhe devemos um sonho realizado o de ver nossos textos editados, sem que tivessemos ônus algum, voce alimentou nossa alma, além de que muitos se alimentarao deste universo diferenciado de textos.
    Te devo também o meu diploma pela indicaçao na Academia de Letras.
    Já estou indo depois eu volto, porque sou chorona e nao é facil falar de quem voce aprendeu a amar e de quem se aprende a cada dia ter um coraçao aberto e generoso.
    Parabéns Marta pela escolha certeira em homenagear, parabéns Dinda por ser quem voce é e o jeito que voce é.
    Até mais.... depois que chorar eu volto para concluir viu realizadora de sonhos.
    Beijos

    Rô Lopes

    Por Blogger Rô Lopes, às 22 de abril de 2009 06:11  

  • Jane todos sabem o quanto é uma poetisa talentosa e ainda uma amiga querida, com bons sentimetnos e coração comunitário. Essa homenagem tanto na Falasp como esta feita pela Martinha só feio a fortalecer nossa idéia de talentos e nobreza. Parabéns querida, você merece!
    E parabéns a Marta, pois seu espaço no Jornal é sempre belo e dedicado a poesia.
    Beijos carinhosos!

    Por Blogger Betânia Uchôa e seu universo in versos, às 22 de abril de 2009 06:16  

  • Marta querida...te agradeço de coração. Vc é minha amiga irmã, tenho um enorme carinho por ti. Estou sem palavras diante dos comentários de Kênia Bastos e Rô Lopes.
    Agradeço a Deus por ter amigas tão lindas....sem palavras
    Jane Rossi

    Por Blogger Sonhos, às 22 de abril de 2009 06:22  

  • Taí uma mulher que tem meus mais bravos aplausos e estima:JANE ROSSI!
    Uma mulher espetacular, com jeito de menina e coração de leoa.Guerreira, determinada e dona de uma inspiração divina.
    De certo é uma pessoa abençoada.
    A tenho no coração guardada na sala vip, pois é merecedora do meu mais sincero carinho e admiração.
    Amo de paixão suas obras!Tem identidade, digitais, características próprias que a revelam nas entrelinhas.
    Jane Rossi é Mulher Nota 10...ou melhor: NOTA 1.000!

    Parabéns Martinha, por tão bela divulgação neste espaço tão nobre e requisitado.

    Por Blogger MELL GLITTER, às 22 de abril de 2009 06:43  

  • PARABÉNS...JANE VOCÊ MERECE TODAS AS CONDECORAÇÕES... SUCESSO!

    Por Blogger Flávio Reis, às 22 de abril de 2009 06:55  

  • Jane é uma mulher ímpar no nosso contexto! É uma líder nata, enorme poetisa e generosa pessoa. Eu que me sinto honrada por estar aqui te homenageando,pois participar do projeto Alimento da Alma foi uma coisa muito boa para mim! Parabéns, Jane! Você merece todas as homenagens. E parabéns Marta, por escolher uma pessoa como a Jane !
    Abraços em ambas!

    Por Blogger Aninha, às 22 de abril de 2009 07:19  

  • Parabéns Jane pela homenagem merecida. A sua poesia eleva nossa alma. Agradeço pela sua amizade e pelo que já me ajudou no início do meu trabalho poético.
    E para você Marta, o meu abraço, amiga a quem devo meu pontapé incial com as letras.
    Parabéns Jane! Parabéns Marta!
    Beijo carinhoso!

    Por Blogger Neneca Barbosa - Um ser humano em evolução!, às 22 de abril de 2009 07:20  

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Blogger, às 22 de abril de 2009 08:09  

  • A Jane Rossi é uma pessoa de sentimentos nobres e palavras encantadoras e doces. Tive muita sorte ao conhecê-la, pois a cada vez que leio suas poesias e poemas, minha jornada fica mais leve e feliz, meu dia se ilumina.
    Todas as homenagens são merecidas à essa pessoa tão querida e competente. Parabéns e que venham outras!!
    Que o nosso Senhor Jesus Cristo abençoe o seu talento.
    Um grande e carinhoso beijo, querida Jane

    Dyandreia Portugal
    Artista Plástica Comendadora

    Por Blogger Blogger, às 22 de abril de 2009 08:18  

  • [teal][b]Que maravilha minha amiga
    voce merece fico feliz.Enquanto a Marta nao tenho palavras, sempre nos apoiando e nos dando alegrias
    um beijo com carinho para voce Jane.
    e outro para nossa amada Marta.

    Por Blogger Poesias, às 22 de abril de 2009 08:39  

  • Que espetáculo de beleza!Parabéns linda Poetisa Grande JANE ROSSI,você nos encanta em todos os cantos,poéticos e humano!Suas obras,são um bálsamo para a alma!Sua simplicidade,um exemplo de amor.Que esse seja mais um passo para realização dos seus ideais!Obrigada por ser a Poeta e pessoa maravilhosa que você é!Beijos mil!
    Grande Poetisa MARTA PERES!Parabéns!Sua trajetória é de amor,amizade e total desprendimento!Que Poeta?Que ser humano!Como te amo!Beijos na alma!

    Por Blogger Marisa, às 22 de abril de 2009 10:06  

  • Jane Rossi,uma grande grande mulher,cheia de predicados belos;
    e de um enorme coração.É destaque
    como escritora,poetisa e professora.Possui nobres sentimentos.É dinânica e dedicada
    possui talento e determinação.
    É uma amiga encantadora e uma profissional competente.Parabéns! Você merece essa linda homenagem.Um
    beijos e um abraço carinhoso Jane!
    E um forte abraço caloroso para a querida
    Marta Peres!

    Por Blogger Hortência, às 22 de abril de 2009 10:09  

  • Paz e graça!

    Perdoe-me a ousadia, mas é assim que sei te amar:

    014 POETI8A JANE ROSSI


    J ustiça e mérito. Não há quem não ame
    A ntologia Alimento da Alma: imponderável e perfeita!
    N obilitar projeto da Poetisa Jane.
    E xcelsa obra-prima que não pode ser desfeita.

    R ecebi um exemplar raríssimo,
    O que alegrou e engrandeceu o meu ser.
    S eu indelével projeto é lindíssimo.
    S apiência reconhecida pelos poetas do seu viver.
    I dealismo digno de uma filha do Altíssimo!

    José Bonifácio – 22 Abr 2009

    Por Blogger josebonifacio, às 22 de abril de 2009 15:03  

  • Paz e graça!

    Perdoe-me a ousadia, mas é assim que sei te amar:

    014 POETI8A JANE ROSSI


    J ustiça e mérito. Não há quem não ame
    A ntologia Alimento da Alma: imponderável e perfeita!
    N obilitar projeto da Poetisa Jane.
    E xcelsa obra-prima que não pode ser desfeita.

    R ecebi um exemplar raríssimo,
    O que alegrou e engrandeceu o meu ser.
    S eu indelével projeto é lindíssimo.
    S apiência reconhecida pelos poetas do seu viver.
    I dealismo digno de uma filha do Altíssimo!

    José Bonifácio – 22 Abr 2009

    Por Blogger josebonifacio, às 22 de abril de 2009 15:03  

  • Bom dia querida poeta
    Desde que dei os primeiros passos ousados no mundo da poesia, encontrei so anjos que me ampararam e mostraram de maneira carinhosa, como eu deveria seguir. Destre eles, está Jane Rossi. Poeta renomada, escritora,e que sem questionar minha capacidade, colocou-me entre os maiores ícones da poesia contemporânea.
    A emoçãoé grande e o orgulhos de ser amiga desse ser humano fantastico é imenso
    Obrigada por tudo Jane Rossi e a voce Marta,mais uma vez, obrigada por existir na minha vida
    bjos

    Ceição Bentes

    Por Blogger Conceição, às 23 de abril de 2009 05:52  

  • Aqui deixo minha poesia de Gratidão:
    GRATIDÃO

    Agradeço a esta alma- irmã
    por tudo que me ensina,
    sempre me auxiliando fraternalmente.
    Generosidade não lhe falta!

    Tudo isso eu agradeço!
    Deus recompense esse
    coração amigo a cada dia
    pelo bem que ela faz aos seus amigos.
    Sua amizade é um alento

    na estrada que prossigo.
    Você, comigo, sempre estará,
    Sempre terá o apoio de meu
    braço amigo para ajudá-la.

    Não existe palavra para definir
    o reconhecimento que me invade
    à bondade de seu coração.
    Deus a guarde hoje e sempre!

    “Amargura tem cura”
    tendo Jane Rossi
    como Amada Amiga.
    Ela é a luz que aquece o meu coração!
    (Graciela da Cunha)

    Dedico à poetisa Jane Rossi.

    Por Blogger Graciela, às 23 de abril de 2009 20:33  

  • Nossa...quanta coisa linda encontrei por aqui. Quanto carinho, quanta generosidade. Obrigada Graciela pelo poema, obrigada Marta por todo esse carinho. Um abraço a todos
    Jane Rossi

    Por Blogger Sonhos, às 24 de abril de 2009 05:19  

  • Mais do que merecida essa homenagem. Jane é poeta e poesia!!
    Escreve e trabalha pelos versos. Isso já resume sua alma.
    Parabéns Jane e parabéns a Marta Peres que com suas homenagens sempre nos encanta.
    Beijos ternurentos às duas.

    Clau Assi

    Por Blogger Clau Assi, às 25 de abril de 2009 12:01  

  • Uma merecida homenagem à poeta Jane Rossi, pelo seu merecimento, simpatia e talento...Parabenizo também à Marta Peres, nossa amiga muito amada e carinhosa, pelo espaço concedido à todos nós poetas, nesse lindo e lúdico mundo virtu-real....
    Congratulações e desejos muitos de prosperidade e sucesso amplo...
    Um abraço fraterno e de gratidão...

    Por Blogger Denise Flor©, às 26 de abril de 2009 20:42  

  • Marcia Rocha...
    Obrigado por "Saudade Alucinada". É linda!
    Nos presenteie sempre!

    GUERREIRO DA LUZ-Edu Sol

    Por Blogger edu, às 28 de abril de 2009 18:38  

  • @amaropereira@

    Eternos aprendizes: do mundo, da vida e da poesia!

    "Esse meu Coração". Continue aprendiz, porém, nos brindando com suas lindas poesias!

    GUERREIRO DA LUZ -Edu Sol

    Por Blogger edu, às 28 de abril de 2009 18:52  

  • Amariliz Pazini Aires...
    Nossa Poetisa...

    "Resto de Esperança" Sua voz ecoa nas palavras escritas em poesia!

    Por Blogger edu, às 28 de abril de 2009 18:59  

  • SoninhaBB...

    "Fada Mãos de Luz". Maravilha!

    GUERREIRO DA LUZ -Edu Sol

    Por Blogger edu, às 28 de abril de 2009 19:07  

  • A iluminada poetisa MARTA PERES e divulgadora dos nossos trabalhos. Agradeço de todo o coração o seu empenho em favor da poesia e dos poetas.

    Por Blogger edu, às 28 de abril de 2009 19:11  

  • Nossa Marta como esta lindo seu blog, obrighado por me incluir neste hal de feras da poesia!
    beijo muto grande para vc, viu!
    Auber Júnior

    Por Blogger led, às 28 de abril de 2009 21:40  

  • Faça um comentário sobre o universo da beleza e harmonia,que escreve história com alma e coração ...esse universo dos versos são luzes de motivação, para transformar nossa consciencia cristã em cidadania,pois os poetas são educadores voluntários,que dão ensinamentos poéticos em busca e luta pela consciencia politizadora, que poderá dar de fato vida independente aos movimentos da democracia...sonhar com a democracia verdadeira é de fato uma busca e luta viva nas entrelinhas da história do passado recente e do presente momento,há necessidade de humanização de classes,pois há uma distancia real entre elite e massa em nosso país,infelizmente nossa história tem mazelas politica,que escrevem miséria e luxúria humanas ...concomitantemente ...
    Desejando muita criatividade aos pensadores da poesia,pois neles existe uma filosofia muito necessária ao mundo ....A M O R !!!

    A VIRTÚ PODE SER NOSSA SORTE E NOSSA FORTUNA,COM ASTÚCIA EVOLUIR NOSSOS CONCEITOS E PRECONCEITOS PARA LIBERDADE,FRATERNIDADE E IGUALDADE DE FATO REVOLUCIONÁRIA

    CLAUDINHA POETA 2009
    LONDRINA BRASIL 04/05/2009

    Por Blogger CLAUDINHA POETA 2009, às 3 de maio de 2009 08:55  

Postar um comentário

<< Home