.

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

AMOR IMPOSSÍVEL.


AMOR IMPOSSÍVEL.

Deixe-me te amar sem preconceito,
Não olhe o poder, sinta só o amor,
É forte, puro, nasceu no meu peito,
É chama em brasa - puro calor.

Não escolhi esta vida que tenho,
Nem tão pouco amar-te tanto assim,
A única riqueza que posso te dar,
É o verdadeiro amor que existe em mim.

O coração não vê – só sente,
Quando ama, não escolhe cor ou poder,
Não distingue o pobre do rico,
A tua ambição é só amar e querer.

Sei que este amor é impossível,
É inconcebível de acontecer,
Amar alguém de outra estirpe,
Só em conto de fada que pode ser.

Autor: Poeta Mineiro.

1 Comentários:

  • Poeta mineiro...Lindo o canto entoado por estes versos de Teu Amor Impossível.
    Mas até nos contos o amor puro e verdadeiro prevalece! nada é impossível pra deter o amor.
    Muito gostoso! Parabéns!

    Por Blogger *andorinharos@, às 7 de novembro de 2008 17:56  

Postar um comentário

<< Home