.

domingo, 31 de agosto de 2008

Não me nega o sorriso



Não me nega o sorriso

Não me nega seu sorriso,
preciso dele como preciso do ar
em minha vida, limpa a lágrima
dos olhos, não deixa a tristeza
ferir esta rosa, espinhos cruéis,
marcam profundamente, desfolham
o que de melhor há no seu coração.
Não me tira a água mansa, nascente
na encosta, que rega meus olhos cansados,
os momentos duros em minha vida,
dificuldades previstas na jornada.
Deixa a porta aberta para eu entrar,
quando cansado da luta árdua, da volta
do trabalho defendendo meu ofício,
regressar desanimado, que encontre forças
neste jardim florido, no riso alto
que sai de si, nesta alegria contagiante.
Não me nega o seu sorriso...

Marta Peres

1 Comentários:

  • Marta que linda poesia!
    Como sempre generosa... um coração grandioso! Eu te agradeço a sua ajuda, que está sendo muito importante, pra mim, e pra todos os poetas!
    Que deus, de proteja amiga! Beijos e continue.. Florescendo. Nosso jardim com suas lindas poesias!
    Marina Nunes

    Por Blogger Eterno Amor, às 1 de setembro de 2008 14:40  

Postar um comentário

<< Home