.

sábado, 17 de outubro de 2009

De Poeta Para Poeta!


Marta Peres

Esqueci de contar as estrelas do céu,
Fiquei parado no sereno,
enquanto a noite dormia,
e eu, sorria sem palavras...

Esqueci de te dar o anel,
levantei minha mão, pleno,
de um carinho que surgia,
de uma nova poesia... sem palavras.

Você ficou toda cheia,
A lua dos poetas do mundo,
Que joga Luz e poemas no mar,
e faz, maré alta dentro de nós!

Enquanto eu, esquecido,
fito o céu sorrindo,
poetas chamam seu nome,
que dentro de nós, será eterno!

Lua poética, no céu de nossos corações,
Tua poesia, mesclada de nossos sentimentos,
nossa poesia, mesclada de teu carinho,

Alcançam as estrelas mais distantes,
e de lá, só tem um "Ser Maior"
que pode guardar...


Meu carinho e respeito, verdadeiros a você, Marta Peres.
Obrigado!!!

Mando Mago Poeta

Marcadores:

3 Comentários:

  • Meus lindos GRANDES POETAS MANDO MAGO E MARTA PERES!"DE POETA PARA POETA!"Já diz tudo com um encanto indescritível.Parabéns aos dois!Maravilha!Beleza!Amor!Beijos meus!

    Por Blogger Marisa, às 17 de outubro de 2009 12:26  

  • É muito fácil "dizer obrigado", minha cara amiga Marta, mas eu me sinto, já á algum tempo, em um turbilhão de emoções... Quando comecei a "deixar meus sentimentos escritos publicamente", seu jornal foi um marco em minha vida. Hoje, graças a algumas almas que amo, acolhi a poesia am minha vida!
    - Nilzinha Nil, Rô Lopes, e mais alguns, que não cabem aqui, me arrancaram a timidez da alma e me encheram de "Ar nos pulmões" para que eu pudesse voar. Vôo por amor a poesia, por transbordar de emoção! Este seu espaço é um "Troféu de Amor" que ganhamos e não tem preço! Sim! Obrigado, é muito pouco, e uns versos só começam a agradecer... Quem me conhece sabe que não digo nada que não sinta! Só sei ser assim.


    beijos
    Mando Mago Poeta

    Por Blogger Armando, às 17 de outubro de 2009 13:51  

  • Mando, também sou muito grata á Marta e a Rô Lopes. Sua homenagem á Marta está linda! E acima de tudo, você fez jus a importância dela na sua escalada, (nem vou comentar aqui, como tem sido minha vida depois de conhecê-la).Mas agora, chegou minha vez de falar de você, Mando Mago Poeta! Quando entraste na minha página, eu estava começando a gostar de poesias, nada além. E você, já era um Grande Poeta! Apesar de não entender de poesia, pude sentir sua sensibilidade, seu talento... A Poesia correndo nas suas veias... Tudo já estava lá, nada mudou! Sempre estiveram desde o seu primeiro poemeto que não sei quando o escreveu (mas posso imaginar, sabendo que seu filho Guilherme aos 8 anos já segue seus passos, Mando Mago poeta -MMP- rsrs). Já possuaias a mesma essência de hoje. Demorou um pouco além da conta para ser conhecido/reconhecido (por motivos que desconhecemos). Poeta, chegou enfim a hora! SUA HORA É AGORA!

    Beijos mil da Nil

    Por Blogger Nilzinha, às 17 de outubro de 2009 16:34  

Postar um comentário

<< Home