.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

" L U A "


" L U A "
Noite após noite
lhe conto os quartos
e as metades fulvas
como orgias em regaços sonhados

Te assemelhas por vezes
a uma barca perdida
inclinadamente esquecida
no céu de todas as estrelas

Ou
a um espelho reflector
assustando
os lobos! os cães e os homens
em noites de flancos escondidos

Raínha iluminadamente voraz
na minha cama de linho incendiada
Estertor da cada alvorecer

Desde o nascer ao morrer
divinamente prateada

luizacaetano

1 Comentários:

  • A lua...
    O satélite natural da Terra...
    E sabemos que...
    Apesar de não ter atmosfera a lua apresenta cristais de gelo (ou seja, já teve água na lua)
    alem das fases tão conhecidas...
    ...influência na mare dos oceanos...
    Os reflexos de luz...ganhos do sol...
    muito pra falar sobre ela...
    mas o poeta...
    Ah...não vê isso...
    O poeta fica fascinado...
    mas com espetáculo...
    Olha pro céu...e sonha...sonha...
    e fala...escreve...
    Ha um mundo aos seus olhos sonhadores...é amor...



    Carinhos a nossa poetisa.
    Luiza Caetano.

    Leninha.

    Por Blogger Leninha, às 22 de fevereiro de 2008 11:41  

Postar um comentário

<< Home