.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Jane Rossi e Sua Bela Poesia!





O poeta é fingidor ?

Fernando Pessoa dizia
Que ele finge que é dor
Finge tudo em demasia

Finge a felicidade
Finge viver em alegria
Foge da realidade

Amor, dor e fingimento
Solidão e desesperança
Mágica do esquecimento
Poeta é gente criança

Ser poeta é viver
Bailando na imensidão
Escreve pra não sofrer
Com a caneta da emoção.

Jane Rossi






(Um, dois, três)
.
Após muito tempo
A janela se abriu
Enxerguei a verdade
Vi o lodo no fundo do rio
Percebi a imensa crueldade
Deixarei essa janela aberta
Vou respirar e contar até três
Hoje, agora, a vida recomeça
Tudo novo...um...dois...três
.
Jane Rossi





(dor-mente)
.

Não minta
Não engane
Não me atazane
Não faça da vida
Uma despedida
Não brinque...
Com o coração
Não existe
Perdão...
Quem magoa
Quem mente
Deixa o outro
Dormente...
.
Jane Rossi



Suave
.
O coração
Ta suave
Batendo
Mansinho
O coração
Ta feliz
Cheio de
Amor
Carinho
O coração
Ta suave
Sem espaço
Pra tristeza
Ta Suave
Ta feliz
Ta sorrindo
Que beleza.
.
Jane Rossi





Houve?
.
Não houve
Não haverá
Sem início
E sem fim
Nem amizade
Restou...
Apenas magoa
Imperou...
.
Jane Rossi



“Sem Razão”

Coração emudeceu
Minha lágrima secou
Minha vida escureceu
Minha alma se calou

E os olhos marejados
Silenciosos, pararam
Era o luto permanente
Um futuro sem presente

Era a pausa em minha vida
Momento de dor e partida
E minha alma pela metade
Deságua a dor da saudade

Alma gêmea foi partindo
Sem ter chance de voltar
Meus sonhos se destruindo
“Eu”...sem razão pra ficar

Jane Rossi



Sem você!

Sem você sou céu nublado
Sou a lua desmaiada
Sou estrela apagada
Triste e só no meu caminho

Desde que você partiu
Sigo a vida vegetando
Pela estrada vou chorando
Estou pisando em espinhos

Serás! meu eterno amor
Alma gêmea e paixão
Moras no meu coração
Que bate muito fraquinho

Sem você, mundo sem cor
Sem brilho e sem valor
Vida repleta de dor
Sou um pássaro sem ninho

Jane Rossi



Eita! Coração

Ele geme de saudade
Bate descontroladamente
A tristeza me invade
O soluço está presente
Mas o amor é imenso
E supera a solidão
Amor eterno e intenso
Eita! Coração


Jane Rossi

“Reflexo da Solidão”



Sem você sou céu sem luz
Sou a noite sem luar
Sou a lua desmaiada
Sou estrela sem brilhar

Sem você sou nuvem escura
Sou reflexo da solidão
Sem você sou criatura
Flutuando sem ter chão

Sem você sou só metade
Meia vida, só saudade
Sem você sou peregrina
Sem razão, sem realidade

Sem você o mundo é triste
E o sol não mais existe
Não tem luz, não tem calor
Só resta um peito em dor

Jane Rossi


Marcadores:

4 Comentários:

  • Sinto-me honrada em estar presente nesse espaço maravilhoso...Obrigada sempre querida amiga Martinha...bjus no coração.

    Jane Rossi

    Por Blogger Alimento, às 7 de fevereiro de 2011 12:44  

  • Parabéns!
    Minha querida amiga, madrinha, companheira... São tantas as horas em que penso em "como você caiu do céu poético em minha vida!"
    Diria que és uma estrela cadente, que descendo ao mundo, trouxe uma nova forma de escrever emoção: Escreveste em meu coração, uma poesia cheia de esplendor, cheia de conteúdo... Em resumo, és um anjo que veio para iluminar o mundo enchendo-o de poesia!
    Ficaria tentando explicar o quanto gosto de você, por horas sem conseguir. Tenho profundo carinho e respeito por ti.

    Por Blogger Armando, às 7 de fevereiro de 2011 13:10  

  • DINDA LINDA..JANE FEITA DE POESIA..QUE HOMENAGEM MARAVILHOSAMENTE MERECIDA...VC QUE COM SUA POESIA DEIXA MARCAS DE EMOÇÃO EM NOSSAS VIDAS,QUE COM AMIZADE E CARINHO FAZ NOSSOS DIAS DE POESIA..MEU SINCERO AFETO...É UM PRIVILÉGIO SER SUA LEITORA,FÃ E AMIGA..AMO VC..MTOOOOOOOOO..DOCES BJOS DE LUZ E POESIA

    Por Blogger REGINA XAVIER, às 7 de fevereiro de 2011 17:46  

  • Minha linda Grande Poeta'miga JANE ROSSI!Quanto encanto nesse cantinho perfumado "JANE ROSSI E SUA BELA POESIA!" Ler-te é apoderar-se inteiramente da emoção tão bem transmitida aos seu leitores e fãs, assim como eu. Palavras me faltam pra dizer o quanto te, respeito e admiro.Você é gente que brilha e faz brilhar. Parabéns! Beijos na alma!

    Grande Poeta'miga MARTA PERES !
    Parabéns a esse divino encontro de DUAS POETISAS E SER HUMANO GIGANTES!Beijos no coração!

    Por Blogger Marisa, às 8 de fevereiro de 2011 11:10  

Postar um comentário

<< Home