.

terça-feira, 29 de julho de 2008

Palhaço de mim


Palhaço de mim

Dentro de mim vive a rir triste palhaço,
roupas desbotadas, olhar tristonho,
fortemente pintado nas faces, sentindo
dor que rasga o peito vive a gargalhar

de mim, me olho no espelho, o vejo
espreitando vestido de arlequim, na sombra
de mim disfarça num disfarce mal disfarçado,
pisca, esconde-se, surpreende-se, foge

atônito quando pego de mal jeito, se me zango
fica triste, anda de um lado para o outro tentando
dissimular sua injúria, nas sombras de mim vive
meu palhaço, sarcástico, louco, gentil, sofrido!

Marta Peres

1 Comentários:

  • Marta, voce sabe que amo suas poesias, e esta do palhaço entao, fiquei fascinada, porque todos temos um palhaço dentro da gente.
    Voce falou fundo, rsrsrs
    Quero aproveitar e agradecer por ter descoberto e destacado o Joe Luigi em sua coluna.
    Voce realmente sabe das coisas.

    Parabéns duas vezes, um pela poesia e outro pelo poeta Joe.

    Por Blogger RO, às 2 de agosto de 2008 23:19  

Postar um comentário

<< Home